domingo, 30 de junho de 2013

Cruzeiro no Adriático Corfu (Grécia) - 10 de junho 2013

Em Corfu o barco atracou às 09:00h e zarpou às 17:00h.
A ilha grega é muito bonita, chamada a ilha verde por ter milhares de oliveiras. Ficámos pela cidade, não vimos nenhuma, mas acreditamos, porque vimos o azeite e parecia bom! 
Verde também é a minha ilha: S. Miguel, nos Açores, e lá não há oliveiras; há cerrados com ótimas pastagens para bovinos.
Mas aqui é Corfu, linda ilha. O que vi e captei compartilho convosco, mostrando algumas fotografias.
Todas as manhãs era este o nosso acordar: terra à vista.
 Não falo do que vi, como o bem protegido forte, os jardins, as bonitas igrejas ortodoxas... mas a cervejinha  tem de aparecer e nunca pôde faltar, depois de calcorreadas ruas e becos, vazios pela manhã, mas repletos  de gente ao meio dia. 
 
 Como o programa em terra já estava cumprido... o regresso ao barco tornava-se oportuno, para uma refeição aconchegante. 
Desta vez nem fotografei a saída... apenas o prato!...
 Continuarei a deixar aqui a recordação de dias bem passados.  
O barco zarpou rumo a Argostoli (Cefalónia, Grécia), mas ao fim da tarde o comandante avisou que não atracaríamos naquele porto, no fia seguinte. O vento era muito forte e não haveria condições de segurança para o transfer nas lanchas. Realmente o barco balançou um pouquinho!
Ficámos com alguma pena. Por mim fiquei bem: iria passar o dia a bordo, desfrutando do entretenimento a bordo e da companhia de pessoas simpáticas com quem, entretanto, traváramos conhecimento.
E uma coincidência: encontrámos, para nossa surpresa, dois casais da minha terra, sendo uma das pessoas uma amiga, da minha idade, que conheço desde pequena e que, como eu, também é uma adepta de cruzeiros!
UM ABRAÇO

8 comentários:

  1. Oi,Teresinha! Lindo passeio...
    Estou gostando imensamente em poder viajar contigo. Quanto à ilha verde, melhor seria azul, pois é assim que chamo as oliveiras: árvores azuis.
    Um sonho foi conhecer fisicamente uma plantação delas... existe perto daqui, mas ainda não frutifica.
    Bela arquitetura, um encanto!
    Beijos de um inverno morninho.

    ResponderEliminar
  2. Ai Teresa que maravilha! Gostava muito de fazer um cruzeiro como este :)
    Fico muito feliz que tenha gostado e que se tenha divertido! :)
    Beijinho enorme

    ResponderEliminar
  3. Que belas fotos, Teresinha! Aproveitem muito para passear e para namorar! ;)

    Beijinhos e votos de bons passeios!

    ResponderEliminar
  4. Que bom que os meios de comunicação são usados também para conhecer e dar a conhecer outras terras sem sair do país, mas visitar essa ilha ao vivo e com boas companhias deve ter outro "sabor".
    Que inveja...SAUDÁVEL, note-se!
    -/-
    Devido a algum trabalho (e calor) a mais só agora deu para visitá-la e agradecer também por vir ao blog dos forninhenses.

    Bjs e passe uma boa semana.

    ResponderEliminar
  5. Teresinha, muito obrigada pelo teu comentário. Sou como tu, espírito aberto e , como dizia o outro, " só sei que nada sei ..."
    Espero que continues a desfrutar plenamente a tua estadia nos Açores.
    Um grande beijinho.

    ResponderEliminar
  6. ciao cara e buona serata, grazie per le foto della tua crociera, anche io sono partita ed ho postato le foto sul mio blog.
    ciao

    ResponderEliminar
  7. Magnifique foto's merci de les partager avec nous bisous Marie-Claire

    ResponderEliminar