sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Passeio à Caloura... venham comigo!




      Hoje decidimos ir à Caloura.  
      O pico da Barrosa estava descoberto, mas achei que devia deixar toda aquela bela paisagem só para os turistas do transatlântico! Por isso saímos, sem rodeios, diretos ao destino.  
      Eu tinha vontade de ir ver a prima que vive lá no verão e no inverno mora na Califórnia. Mas é outono e eu não sabia onde ela estaria. Está bem... eu sei... há telefones, mas eu às vezes esqueço-me dessa comodidade!... Trata-se de uma parente ainda próxima (as nossas avós eram irmãs) e desde que emigrou para os EUA estivemos muitos anos sem nos encontrarmos e agora vemo-nos apenas de vez em quando, aqui na ilha.
      E não é que a prima estava mesmo na Caloura com o marido, a colocar as malas no carro para embarcarem no enorme barco que estava atracado aqui no cais?!... Foi uma alegria abraçá-la!
      O dia estava ótimo e o passeio foi enriquecido pelo curto mas tão agradável encontro com os primos. Depois dos beijos e abraços emocionados prosseguimos a viagem até à praia… com muitos calhaus! Não pude deixar de pensar outra vez nos calhaus da “célebre” praia de Nice! Então o senhor Maire de Nice… não podia mandar fazer um carreiro por cima das pedras como aqui os meus conterrâneos fizeram permitindo que os banhistas mergulhem e nadem sem magoar os pés?!
      Na Caloura há um pequeno porto de pesca e uma piscina que enche com as marés; quem preferir poderá nadar livremente no mar.  
      Tirei fotos ao convento, ao porto de pesca, às pedras e ao mar e às tantas lembrei-me de que me tinha esquecido de tirar fotos aos primos! Sorte…  porque o regresso iria ser feito pela mesma via e ainda os encontrei em casa. Desta vez tive outra surpresa: estava lá uma amiga minha de infância, com o marido e filha, que também tem uma bela casa na Caloura, perto da minha prima.
   Almoçámos em Água de Pau uma fresca veja (peixe) escalada e grelhada e o meu irmão uns torresmos de caçoila… pratos típicos açorianos.
      A esta hora os primos já devem ir em mar alto, mas despois do nosso passeio o barquinho ainda estava ancorado na doca de Ponta Delgada.
      Senti um ligeiro aperto no peito: não sei se pela partida da prima, que eu talvez não volte a abraçar tão cedo, se pela partida daquele grande barco onde eu gostaria de ter embarcado também!...
      Já fiz alguns cruzeiros, mas este estava aqui… mesmo à mão de semear…


Por curiosidade mostro uma foto que encontrei desta minha prima, quando jovem, com a avó, minha tia-avó e o irmão.
UM ABRAÇO

12 comentários:

  1. Que bonita descrição Teresinha!
    Cada vez mais gosto de ler as suas publicações, fazem-me sempre ficar com saudades da sua ilha.
    Gosto tanto de S.Miguel e com a sua descrição dos passeios que faz, parece que ando ali eu a passear.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Um belo passeio minha amiga, gostei de viajar através das vossas fotografias.
    Um abraço e bom fim-de-semana.

    Andarilhar
    Dedais de Francisco e Idalisa
    Livros-Autografados

    ResponderEliminar
  3. Teresinha Hugo: Esta narrativa de sentimentos e não só, está esplêndida e muito bem ilustrada.
    Foi um regalo lê-la.

    ResponderEliminar
  4. Muito obrigada, Manuel!
    Para mim foi também um regalo ler este seu gentil comentário!
    São comentários como este que me impelem a escrever... atividade a que não consigo dedicar-me a tempo inteiro, para meu lamento!
    Tenho pena de não saber se conheço o Manuel. Ainda espreitei o seu blog, mas está sem publicações. Espero receber uma mensagem sua para saber quem é esta pessoa tão simpática.
    Obrigada, novamente.

    ResponderEliminar
  5. UM PASSEIO maravilhoso através da sua descrição!
    Gosto da foto de perfil!!!
    bj amigo

    ResponderEliminar
  6. Querida Teresinha é sempre muito bom podermos encontrar pessoas queridas, aquelas que guardamos em lugar muito especial em nossos corações, são esses encontros que podemos chamar de pequenas surpresas da vida e que fazem valem a pena não é!! foi bom passar por aqui e ver noticias fresquinhas ... bjucas querida

    ResponderEliminar
  7. As fotografias estão muito bonitas e espectaculares,espero que te tenhas divertido a passear por esse lugar maravilhoso,tudo de bom para ti!!

    ResponderEliminar
  8. Belas fotos e lindo passeio bem mostrado! beijos,tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  9. Venho aqui, viajo lindamente com você e volto para casa!!!
    Um beijo, amiga!

    ResponderEliminar
  10. Olá, Teresinha!
    Sempre que venho ao teu simpático blog encontro ótimos textos e belas fotos de paisagens de teus passeios com o teu eleito (marido). Desta forma, minha amiga, aproveito para viajar um pouco com vocês, que estão tão bem nas fotografias. Parabéns.
    Um grande abraço.
    Pedro

    ResponderEliminar
  11. Ah, esses portugueses sabem viver a vida, oras pois!!! Embora não nos interagimos muito, Teresinha, vez ou outra venho aqui ler suas belas escritas e deliciar-me com esses passeios lindos que faz com o marido. Já pensei em abandonar o blog por falta de tempo de interagir com as seguidoras, mas é por lá que vem as novas alunas. Ano que vem pretendo reduzir meu ritmo de trabalho, costurar mais para mim, dar dicas. Vamos ver, vamos ver.
    Obrigada pelo seu comentário. Beijos

    ResponderEliminar